Apple recebe desconto em impostos para construir data center na Carolina do Norte; sugestões da localização do complexo começam a aparecer

Por 40 votos a oito, o estado da Carolina do Norte finalmente aceitou hoje a execução de uma mudança nas suas leis fiscais para conceder à Apple um desconto milionário em impostos para a construção de uma fazenda de servidores na região. O governo estadual já se manifestou preparado para assinar com a empresa rapidamente, esperando que ela responda a isso dentro de alguns dias. Porém, nenhum anúncio oficial foi realizado.

Apple XservesConforme já reportamos, a previsão de investimentos que a Apple fará nos próximos nove anos é de US$1 bilhão. Dentro desse período, cerca de US$46 milhões serão abatidos em impostos, o que pode chegar a US$300 milhões se o projeto ficar ativo por três décadas. Centenas de empregos serão gerados nos próximos meses para a construção do data center — o que ajudará na redução da taxa de desemprego da Carolina do Norte, uma das maiores dos Estados Unidos.

O que não está definido ainda é onde ficarão as novas instalações da Maçã. Destinadas a reforçar a estrutura atual dos seus serviços online, elas serão construídas visando ao processamento de enormes volumes de dados, por isso precisarão de fácil acesso a energia elétrica e água (caso seja preciso contribuir na sua refrigeração). As regiões de Catawba e Cleveland estariam sendo as mais analisadas pela Apple, porém uma especulação recente afirma que ela está planejando sua construção em Catawba, onde uma faixa de terra já teria sido até demarcada para tal.

O local mais adequado para um data center nesta região fica ao longo da estrada 321, onde existe boa infraestrutura energética e de fibra óptica, segundo políticos locais. Uma área de 183 acres ao longo dela pode ser ótima para o projeto e permitira à Apple construir outras instalações futuramente, já que apenas 100 trabalhadores ocuparão a nova fazenda de servidores quando pronta.

Posts relacionados

Comentários