Teste: MacBook branco de 2,13GHz é mais rápido que o modelo básico de alumínio

Testes realizados pela Macworld mostraram que o novo MacBook branco — lançado recentemente e vendido por US$1.000 — chega a ser 6,5% mais rápido que o modelo básico de alumínio, vendido atualmente pela Apple por US$1.300. O aumento de desempenho da máquina se deve ao novo processador Intel Core 2 Duo de 2,13GHz (o modelo unibody usa um de 2GHz) e a RAM DDR2 de maior frequência (800MHz contra 667MHz do modelo branco anterior). O novo portátil também traz um HD de igual capacidade do seu irmão de alumínio, com 160GB.

MacBook branco visto de cima

A análise foi realizada com duas máquinas de mesma quantidade de memória e HD, sendo que o MacBook de alumínio foi testado duas vezes: uma com o Mac OS X 10.5.6 e outra com o 10.5.7. Mesmo com todas as atualizações instaladas, o teste geral com o Speedmark 5 (próprio da Macworld) deixou a máquina mais cara para trás, com uma diferença de 5% no desempenho.

O comparativo realizado entre os dois portáteis durante uma sessão de Quake 4 foi o único no qual o modelo de plástico não conseguiu obter a melhor pontuação. Concluiu-se, desta forma, que a única vantagem do atual modelo unibody básico está na sua memória DDR3 de maior frequência, que fez a performance gráfica dele ser superior para renderização gráfica 3D. No entanto, nem todas as tarefas que envolvem gráficos foram mais rápidas nessa máquina, já que processos no Cinema 4D e no Compressor ficaram mais velozes no modelo branco.

Por meio do teste realizado pela Macworld, podemos concluir que o portátil básico da Apple continua sendo uma boa aquisição, caso os usuários não se importem em deixar de lado a carcaça de monobloco de alumínio e a tela glossy do modelo de US$1.300, que aqui no Brasil custa R$5.500.

Posts relacionados

Comentários