Apple desenvolve “embalagem ativa” para iPhones e iPods

As embalagens existentes hoje no mercado são desenvolvidas para acondicionar e proteger os produtos durante sua armazenagem e transporte. Algumas, como as do iPods touch e dos demais iPods, também permitem que consumidores visualizem o produto sem que elas sejam abertas. Mas nenhuma dessas embalagens permitem que os gadgets em seu interior sejam recarregados ou atualizados com um novo software.

Publicidade

Patente da Active Packaging

Para resolver este problema, a Apple deu entrada no escritório de patentes norte-americano com o que ela descreveu como Active Electronic Media Device Packaging, ou Active Packaging (embalagem ativa), um sistema que permitirá que as embalagens forneçam energia elétrica e conexão de dados para os produtos que estiverem em seu interior.

Para isto, a embalagem ativa poderá contar com sistemas eletrônicos moldados ou impressos no plástico, que funcionarão para prender o dispositivo e, ao mesmo tempo, encaixar em um dos conectores do aparelho, fornecendo energia e transmitindo dados.

Patente da Active Packaging

A patente também indica a possibilidade de que o carregamento dos aparelhos utilize técnicas diferentes, via indução magnética ou com alguma transmissão sem fio (wireless). É possível que uma das embalagens esteja ligada diretamente a uma fonte de energia, retransmitindo-a para as demais, sem nenhum fio ou ligação.

Publicidade

Desta forma, um iPhone poderá exibir vídeos ou propagandas enquanto estiver em exibição em uma prateleira da loja e, mesmo assim, quando o cliente o retirar de sua embalagem, o produto estará completamente carregado e atualizado com o software mais atual.

Para mais informações sobre a Active Packaging, vale a pena conferir este post do AppleInsider, que foi o veículo responsável por descobrir este pedido de patente da Maçã.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…