Apple e iPhone App Store: imagens eróticas nem pensar, mas um buscador de maconha tá liberado

Apple, você precisa deixar as coisas claras de uma vez por todas: nem a chegada dos controles parentais no iPhone OS 3.0 mudou a sua posição sobre erotismo/pornografia na App Store, mas como é que um app que busca pontos de compra de maconha foi liberado para compra?! E não é pra dizer que foi “sem querer”, porque a descrição é clara, o nome é Cannabis (Cannabis sativa é a variação da maconha) e o seu ícone não deixam dúvidas.

Publicidade

Cannabis no iTunes

Sem hipocrisia aqui, pessoal: o app se propõe a ser um utilitário para _uso medicinal_ da maconha em estados onde ela é aprovada, reunindo até mesmo buscas de doutores especializados, oferecendo ajuda para quem estiver com problemas legais (advogados e afins) e dicas do que fazer em lugares onde a droga não é liberada. Mas apps de sexo e/ou com conteúdo adulto também poderiam ter fins semelhantes e nem sempre as coisas andam como deviam.

O Cannabis é um projeto da ajnag, uma “rede de estilo de vida com cannabis“. E nem pense que a brincadeirinha sai de graça: o aplicativo custa US$3 na App Store. Ele requer o firmware 3.0 ou superior de iPhones/iPods touch e pesa cerca de 400KB. Assista a um videozinho rápido que apresenta seus principais recursos:

Publicidade

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=qglJOSBkFMU[/youtube]

Ah tá, eu esqueci: Steve Jobs  é foi usuário de LSD; um baseadinho aqui e ali é fichinha. 😉

[Via: Salem-News.com.]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…