Discussão: quem irá substituir Eric Schmidt na diretoria da Apple?

Eric Schmidt, presidente do Google

Logo prata da AppleCom a saída de Eric Schmidt, Steve Jobs precisará nomear um substituto para ocupar a diretoria da empresa. Diversos nomes estão sendo considerados pela imprensa especializada, mas, por motivos estratégicos, não espere que a Apple comente nada sobre o assunto. O blog Fortune Brainstorm Tech fez uma compilação que eu achei válido compartilhar:

  • Tim Cook. COO da Apple. Nem o próprio Jobs conhece mais sobre as operações da Apple que esse cara. No entanto, talvez a diretoria esteja à procura de alguém de fora.
  • Steve Wozniak. Co-fundador da Apple. Apesar de ser apontado como uma escolha sentimental que não adicionaria muito à diretoria — algo de que discordo, afinal, ele é a razão pelo amor da empresa pelo primor em engenharia —, é o segundo nome mais votado.
  • Larry Elisson. CEO da Oracle. Antigo companheiro de Jobs e conhecido pelo ímpeto agressivo.
  • Steven Spielberg. Co-fundador da Dreamworks. Poderia reforçar a ligação da empresa com os estúdios de Hollywood e sedimentar a presença da marca no mundo do entretenimento. Coisa fácil para um dos mais poderosos diretores do cinema norte-americano.
  • Mark Zuckerberg. CEO do Facebook. Se o futuro é social e a Apple precisa se adaptar a isso, a escolha não poderia ser melhor. Mark é o Jobs das redes sociais.
  • Lee Clow. Presidente da TBWA\Worldwide. Co-criador do Macintosh original, do famoso slogan “Pense diferente” e do “Coelho da Duracell”. Estaria a Apple precisando de um reforço na área de marketing?
  • Yong Nam. CEO da LG Electronics. De acordo com a CNN, um dos três mais importantes nomes da indústria de eletrônicos mundial. Precisaria de algo mais?

A equipe do MacMagazine, em particular, acredita que os nomes mais cotados da lista acima seriam: Elisson, Zuckerberg e o nosso caro Woz. Já pensando em pessoas “out of the box”, citaríamos Richard Brenson (presidente do Virgin Group), Kevin Rose (fundador do Digg), Jason Calacanis (blogueiro e empreendedor de internet), Barack Obama (presidente dos Estados Unidos) e Martin Winterkorn (CEO da Volkswagen).

E você, prezado leitor, quem acha que deveria ocupar a vaga e por quê?

Posts relacionados

Comentários