Desabafos de (mais um) um desenvolvedor da iPhone App Store [NSFW]

Joe Stump

O adágio que nos ensina que “nada se cria, tudo se copia” é um bom começo para entender por que tudo em alguma parte da nossa história irá se repetir. Agimos por instinto. Se funciona, replicamos o ato até que ele se torne ineficaz. Se o primeiro desenvolvedor de renome reclamou e foi ouvido por Phil Schiller, todos irão fazer o mesmo até a Apple mudar as regras do jogo. Joe Stump (foto acima), acabou de fazer a sua parte em um post repleto de impropérios.

Stump, para quem não o conhece, é um ex-engenheiros do famoso site Digg, que decidiu aproveitar a plataforma do iPhone OS para desenvolver jogos e criou a companhia Blunder Move, responsável pelo jogo de xadrez chamado Chess Wars.

O aplicativo — que utiliza o Facebook Connect para permitir a interação com usuários da versão web do jogo — enfrentou diversos problemas desde o início da sua chegada à App Store. Novos jogadores não conseguiam sincronizar com o aplicativo e não participavam das disputas por causa de um bug que não foi notado nem pela Apple, nem pelo desenvolvedor.

Uma atualização foi enviada para análise e, dias depois de ser liberada para a loja, o mesmo erro voltou a se apresentar. Novamente, nenhum dos dois lados sabia o que estava acontecendo. Stump desenvolveu, então, uma terceira versão para análise. Desta vez, a Apple simplesmente esqueceu o assunto e o aplicativo.

Depois de esperar seis semanas sem nenhum retorno, Stump procurou contatar amigos que conhecia na Apple para ajudá-lo na situação. Encaminhou emails para outros responsáveis, mas o silêncio da contraparte mostrou que tudo foi em vão.

Diante desse dilema, o desenvolvedor resolveu apelar para um meio mais fácil de obter a atenção dos executivos em Cupertino: botou a boca no trombone, publicando toda a sua ira diante da situação, o que chamou a atenção dos principais sites de tecnologia e, por certo, deve ter chegado até a mesa de Phil Schiller.

“A Apple é similar a um bando de oportunistas filhos da p***”, declara ele, em seu post endereçado à comunidade de desenvolvedores, com o _singelo_ título “Passe o lubrificante enquanto somos f****** também pela Apple.”

Esta manhã, um representante da App Store — de nome Richard — informou a Stump que a atualização do Chess Wars submetida foi rejeitada por utilizar bolhas nas telas de conversa no mesmo estilo da interface Aqua, que é de propriedade da Apple.

Bolhas de chat da Apple vs. Joe Stump

Stump, que ainda pediu uma confirmação da propriedade do design pela empresa, ouviu um “sim” — ou seja, ela é mesmo marca registrada da Apple — e recebeu a sugestão para, da próxima vez, desenhar bolhas com menos brilho ou talvez fazê-las quadradas, só para evitar problemas futuros. E quanto ao bug, bom, é só um bug.

Se este episódio complica o futuro de Stump, que assiste a seu aplicativo sendo _apedrejado_ por todos os clientes que pagaram pelo jogo, a imagem da App Store sai ainda mais suja. Pois, de um lado, nem ele nem qualquer desenvolvedor merece esse tipo de tratamento; por outro, porque os consumidores estão, até que a situação se resolva, impedidos de usufruir o suporte e a diversão já pagos.

Concluo aqui, parafraseando o caro Hamlet: “Há algo de podre no reino de Cupertino…”

Posts relacionados

Comentários