Uso de gadgets touchscreen dispara, mas nem todos os consumidores gostam da tecnologia

iPhone multi-touch
Lembra dele?

A comScore divulgou hoje uma nova pesquisa sobre a adoção de gadgets touchscreen nos Estados Unidos e constatou que, de agosto de 2008 para agosto de 2009, a representatividade desses aparelhos disparou 159%, chegando a 23,8 milhões de usuários — o pulo foi muito maior que o do crescimento de smartphones (63%). O iPhone representa 32,9% do total.

iPhone multi-touch

Dentre os dez dispositivos mais populares, o iPhone é seguido pelo LG Dare (8,7%), LG Voyager (7,8%), BlackBerry Storm (7%), Palm Treo (6,5%), Samsung Instinct (5%), T-Mobile G1 (3,6%), HTC Touch (3,3%), Samsung Glyde (2,7%) e LG Xenon (2,6%).

Apesar disso, um levantamento da Canalys mostrou que nem todos os donos de gadgets touchscreen estão satisfeitos com seus aparelhos. Consumidores da Europa Ocidental foram entrevistados pela empresa, que constatou que, apesar de 54% deles acharem que touchscreens são uma boa ideia, apenas 47% dos donos de gadgets com telas sensíveis ao toque pretendem comprar um semelhante no futuro.

Donos de iPhones e de produtos da HTC são exceções na pesquisa e ficam como os que pretendem adquirir novos gadgets touchscreen no futuro. Por outro lado, apenas um quarto de donos de produtos da Sony Ericsson hoje em dia quer um novo aparelho com tela sensível ao toque no futuro.

A pesquisa da Canalys também mostrou que, dentre mais de 3.000 usuários de telefones celulares, 38% preferem touchscreens controladas com o dedo, ao passo que apenas 16% dão preferência a modelos que funcionam com canetas stylus.

Posts relacionados

Comentários