Google remove denominação “Labs” do Gmail Offline

Ícone do Gmail BrowserLançado há quase um ano como um simples experimento, o modo offline do Gmail se tornou um dos seus principais destaques, permitindo aos usuários acessar suas mensagens no browser mesmo quando desconectados da internet. Após fazer diversos aprimoramentos e adicionar novas funções para o recurso, o Google anunciou hoje que o “graduou” do Labs, ou seja, agora ele é uma função oficial do Gmail.

Para quem o utiliza diariamente, nada mudará de forma significativa. Porém, se você nunca tentou usá-lo, notará que nas Configurações (Settings) agora existe uma guia Offline permanente, onde você poderá configurá-lo pela primeira vez seguindo algumas instruções simples. Ir até a seção Labs não é mais preciso — aliás, ele até sumiu de lá.

O único problema do Gmail Offline que aparentemente afeta muitos usuários do Mac OS X é o fato de ele ainda precisar do plugin Gears para funcionar, atualmente incompatível com o Safari 4 no Snow Leopard. Conforme já noticiamos, o Google aparenta ter perdido o interesse em atualizá-lo, à medida que estimula o uso de recursos de armazenamento local já suportados por alguns browsers.

Por ora, nenhuma mudança nesse aspecto foi realizada, o que deverá acontecer apenas no ano que vem. Até lá, os usuários do Snow Leopard interessados em utilizar o Gmail Offline e outros serviços do Google com armazenamento local deverão considerar o uso do Firefox, ainda compatível com o Gears.

Posts relacionados

Comentários