Palm coloca os pés no chão e reconhece que fracassou; ações despencam

Roger McNamee e Jon Rubinstein, CEO da Palm

Roger McNamee e Jon Rubinstein, CEO da PalmSexta-feira, 6 de março de 2009:

Veja que coisa linda: 29 de junho de 2009 será o aniversário de dois anos do primeiro iPhone. Nem uma pessoa sequer […] estará usando o iPhone um mês depois.

Roger McNamee, investidor da Elevation Partners.

Quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010:

Receitas para o trimestre e ano estão sendo impactadas por uma adoção de nossos produtos mais lenta que o esperado, o que resultou em volumes de pedidos de operadoras mais baixos que o esperado e o cancelamento de pedidos para períodos futuros. Por isso, a Palm espera que os resultados do ano fiscal de 2010 sejam menores que os anteriormente previstos entre US$1,6 bilhão e US$1,8 bilhão.

Palm, via press release.

Em julho do ano passado nós já cantávamos essa bola com os primeiros gráficos de vendas do Pre, seguidos de um resultado financeiro negativo para a Palm em setembro. Neste momento, suas ações (NASDAQ:PALM) despencam nada mais nada menos que 16,07%, cotadas a US$6,79.

Jon Rubinstein, que saiu da Apple e se tornou presidente e CEO da Palm, evidentemente não está nada satisfeito com a situação.

“O Palm webOS é reconhecido como uma plataforma revolucionária, que proporciona uma das melhores experiências com smartphones disponíveis hoje, e nosso trabalho para evoluir a plataforma e trazer tecnologias líderes da indústria para o mercado continua”, disse Jon. “Todavia, estimular uma adoção em massa de consumo de produtos da Palm está demorando mais do que esperávamos. Nossas operadoras parceiras continuam comprometidas, e estamos trabalhando de perto com elas para aumentar a percepção e estimular vendas de nossos diferenciados produtos Palm.”

A Palm dará mais detalhes sobre o seu terceiro trimestre fiscal de 2010 numa conferência marcada para o dia 18 de março. Ela espera finalizar o período com um balanço geral de US$500 milhões.

[via The Secret Diary of Steve Jobs]

Posts relacionados

Comentários