Engenheiros da Mozilla revelam planos para ampliar a performance de JavaScript do Firefox

Ícone do Firefox

Em relação a browsers como Safari, Chrome e (recentemente) Opera, a atual versão do Firefox oferece performance de JavaScript bastante inferior, mas a Mozilla já possui um projeto em andamento para contornar essa situação no futuro. Dois engenheiros da empresa revelaram detalhes sobre a próxima edição do JavaScript engine do navegador (atualmente conhecida como JaegerMonkey), que oferecerá altos ganhos de desempenho em relação às atuais versões do Firefox mediante soluções para algumas áreas da sua atual implementação.

Publicidade

A tecnologia hoje destinada a interpretar JavaScript no aplicativo, conhecida como TraceMonkey, chega a ser mais veloz que as soluções de outras empresas em algumas situações, mas ela costuma operar de forma bastante lenta ao lidar com códigos mais complexos, que já podem ser encontrados em vários web apps. Para solucionar isso, a Mozilla espera aproveitar ao máximo os pontos positivos da sua implementação corrente e solucionar problemas apenas nas áreas em que a performance geral é negativamente afetada.

Uma delas é a geração de código nativo para ser processado pelos computadores, cuja tecnologia atual da Mozilla será substituída pela implementação do Nitro, engine de JavaScript usado pela Apple no Safari e open source — o Firefox não processará JavaScript exatamente como ele, mas ambos passarão a utilizar um sistema de geração do código nativo similar. Além disso, engenheiros da Mozilla estão desenvolvendo separadamente um novo interpretador, que virá acompanhado de várias mudanças drásticas no atual TraceMonkey para formar o JavaScript engine das futuras versões do Firefox.

Ainda não se sabe quando o JaegerMonkey será implementado numa nova versão do navegador, mas a Mozilla ainda trabalhará bastante nessa área até mostrar resultados finais aos usuários, o que não acontecerá por enquanto. No momento, os progressos feitos pelos engenheiros da empresa já registraram ganhos de aproximadamente 45% em relação à performance atual do Firefox no SunSpider Benchmark (em 64 bits), com fortes chances de se aproximar (e até ultrapassar) todos os atuais concorrentes do navegador em um futuro próximo.

[via Download Squad]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…