Apple investiga métodos para aprimorar sistemas de resfriamento em notebooks

O Escritório de Patentes e Marcas dos Estados Unidos começou a revisar registros de inventos da Apple que descrevem muitas tecnologias novas para sistemas de resfriamento, destinadas a dissipar calor de notebooks e manter sua operação estável numa temperatura adequada. Uma delas descreve a implementação de sensores de fluxo de ar nesses computadores, para que o sistema operacional ajuste o seu resfriamento interno e aproveite melhor a ventilação do ambiente, usando menos energia.

Além disso, foi descoberto em outro registro de patente um tipo especial de sistema de resfriamento, que usaria portas de conexão de periféricos (como USB, FireWire ou Ethernet) como saída de ar em computadores portáteis. Isso permitiria que o ar quente escapasse deles a uma velocidade bem maior, diminuindo o tempo que operariam a uma temperatura muito alta.

Segundo outros inventos que estão em revisão nos EUA, métodos mais avançados para resfriamento de notebooks incluiriam o uso de bases acessórias específicas, bem como o emprego de componentes termoeléctricos. É citado, por exemplo, o uso do efeito Peltier, um fenômeno físico que gera redução de temperatura através da passagem de corrente elétrica por dois metais de densidades diferentes.

[via AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários