Editora Random House não assina acordo com a Apple por temer guerra de preços em ebooks

Logo da Random House

Se você nunca ouviu falar na Random House, tema: ela é nada mais nada menos que a maior editora de livros da atualidade. A má notícia, para a Apple, é que por enquanto ela provavelmente deixará seu acervo longe do iPad, temendo uma guerra de preços em ebooks.

Publicidade

Logo da Random House

De acordo com o Financial Times, Markus Dohle, CEO da Random House, não descartou a possibilidade de uma parceria com a Apple, mas quer evitar que ela afete as práticas atuais do mercado. Cinco grandes rivais da Random House já concordaram em colocar seus títulos na iBookstore, porém, incluindo Macmillan, Simon & Schuster, Hachette, Harper-Collins e Penguin.

Para a sua loja de livros no iPad, a Apple decidiu repetir a fórmula de sucesso da App Store: permitir que as editoras definam os preços dos seus conteúdos, enquanto 30% dos lucros ficam com a Maçã. Recentemente, o comercial oficial do iPad revelou parte dos preços que deveremos encontrar na iBookstore.

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…