Adobe demonstra aplicativos baseados na plataforma AIR rodando no iPhone OS

As ferramentas que a Adobe preparou para o Flash Professional CS5 com suporte à exportação de apps para o iPhone OS não são apenas focadas na tecnologia Flash, embora seja isso o que está em evidência no momento. É claro que o desenvolvimento de jogos com base nela é um assunto recorrente — afinal de contas, eles já existem na App Store aos montes —, mas também são bastante animadores os avanços que estão sendo feitos na plataforma AIR para mobile, o que permitirá que aplicativos nativos rodem em múltiplos sistemas.

Publicidade

Trata-se de uma iniciativa que diverge um pouco da estratégia do Flash Packager para iPhone, abrangendo outras plataformas móveis — dentre elas, Windows Mobile e Android. No ponto de vista de quem desenvolve softwares com propostas gerais, contar com o AIR em múltiplos sistemas e dispositivos aparenta ser algo bem mais promissor, pois aqui o que conta não é adaptar uma tecnologia da web para um celular, e sim usar um mesmo código-fonte para suportar dezenas (ou até centenas) de milhões de usuários em vários lugares.

Um desenvolvedor mostrou uma prova disso hoje, após colocar suas mãos em um iPad: ele conseguiu usar o mesmo código de um app criado no desktop para internet, via Flash, e para outros três aparelhos (um iPod touch, um Motorola DROID e a própria tablet da Apple), via apps nativos. O vídeo a seguir mostra os resultados obtidos por ele:

Publicidade

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=22vicDlzmkI[/youtube]

Como é possível observar, quem adotar esse tipo de desenvolvimento automaticamente terá um enorme mercado para distribuir soluções aos usuários. É claro que esse tipo de coisa atualmente já é possível usando ferramentas nativas para cada plataforma, mas isso acrescenta muito trabalho extra — porém com a promessa de criar produtos que se encaixam exatamente no look & feel de cada uma delas.

Mais vídeos sobre o uso de AIR em múltiplas plataformas podem ser vistos em um blog de um dos engenheiros da Adobe.

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…