Vivo se manifesta sobre trazer o iPad Wi-Fi+3G ao Brasil, mas tem pegadinha

Saiu hoje na Folha de S. Paulo (fechado para assinantes/clientes UOL) uma nota sobre as pretensões da operadora Vivo de trazer para o Brasil o modelo de iPad compatível com redes de telefonia celular ainda este ano. Segundo Hugo Janeba, vice-presidente executivo de marketing e inovação da Vivo, “O que interessa para a gente, obviamente, é a versão 3G do iPad”.

Publicidade

Contudo, uma pretensão da operadora já pode nos deixar com um pé atrás: ao contrário do sistema adotado nos Estados Unidos, em que é possível cancelar o plano mensal de dados com a AT&T a qualquer momento, usando a própria tablet, a Vivo quer fazer o cancelamento mais dificultoso, “com um mês de antecedência”.

Também há o caso dos chips Micro-SIM, que não são o padrão adotado aqui — apesar de haver formas de contornar isso. Contudo, o nome iPad não há de ser um problema para a chegada do gadget, ao contrário do que a reportagem indica.

Bem, é esperar para termos mais informações, ouvirmos manifestações de outras operadoras e, o mais importante, saber quantos mil reais vão cobrar por um produto de US$630 (para o modelo 3G mais básico, de 16GB).

Publicidade

[obrigado a todos que nos enviaram esta dica!]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…