AdMob: base de usuários do Android aproxima-se da metade do número de iPhones usados no mundo

A AdMob liberou hoje a sua análise mensal do segmento móvel, com base em dados coletados pela sua rede de publicidade durante o mês de abril. O destaque da nova pesquisa foi o cenário da distribuição global de aparelhos com iPhone OS em relação aos smartphones com Android, que revelou uma queda na diferença entre ambos com relação ao número de usuários ativos nos Estados Unidos.

No momento, o total de usuários ativos na plataforma móvel da Apple (incluindo iPods touch e iPads) é um pouco superior ao dobro de smartphones com Android no país, mas, se contabilizarmos apenas o número de donos de iPhones contra os usuários desses aparelhos, a diferença entre os dois sistemas cai para menos de 19%. Os números globais colocam a base do Android em um patamar bem inferior à do iPhone OS, que é mais de 2 vezes maior em total de donos de smartphones e 3,5 vezes maior em número de gadgets usados no geral.

Contudo, é difícil definir como essas bases de usuários realmente são em termos de quantidade olhando apenas os números da AdMob. Ora, o Google ativa 100 mil “Androids” todos os dias, enquanto a Apple está próxima de anunciar a venda de 100 milhões de gadgets com o iPhone OS. Embora expressiva, a rede de publicidade móvel da AdMob é incapaz de cobrir todos esses aparelhos, então a base de usuários das duas empresas deveria ser definida em um consenso entre esses números e as vendas oficiais das fabricantes.

Quanto ao tráfego global da AdMob, um fato curioso aconteceu entre março e abril deste ano: as requisições de anúncios pararam de crescer expressivamente, algo que sempre era constatado no passado. As filtragens por região do mundo não registraram crescimentos maiores que 3,6%, quando não caíram significativamente.

Nos dados da pesquisa, a Apple continua sendo a maior força global de impressões de anúncios para a AdMob, com 32% de mercado entre as fabricantes de aparelhos e 42% entre as plataformas móveis — note, porém, que esse domínio vem caindo bastante com a emergência de novos aparelhos e do Android, como um todo.

Já nos Estados Unidos, a Apple mantém liderança apenas entre as fabricantes de aparelhos, agora que o Android é a maior força de impressões para a AdMob há alguns meses. Sua diferença para o iPhone OS chegou a oito pontos percentuais em abril.

Para obter a edição completa do relatório da AdMob para o mês de abril, clique aqui (PDF; 448KB).

Posts relacionados

Comentários