“Guella dos Clones”: escolha seu iPad genérico e economize horrores no Dia dos Namorados

O preço do iPad te soa aviltante? Você não suporta mais viver num capítulo de 1984, no qual você é forçado a comprar um produto cheio de limitações? Seu amor eterno das próximas semanas não merece ganhar um presente caro? Seus ploblemas acabalam! Como bem sabemos, a China é um terreno fértil para produtos que imitam formidavelmente gadgets de marcas famosas, sejam eles da Apple, da Sony ou de qualquer outra fabricante.

Bem, com esta compilação do CrunchGear fica fácil para os não-geeks saberem reconhecer quem é gato e quem é lebre — e até evitar um “negócio da China” num MercadoLivre da vida, com um “iPad” sendo vendido a R$300.

iPed

De visual e nome bem semelhantes ao original, o iPed (sim, com E) é vendido em Shenzen por US$105 e roda o Android. Dizem que a caixa dele é praticamente idêntica à do gadget da Apple, então cuidado ao abrir seu presente do Dia dos Namorados! Uma surpresa destas pode ser o fim de um relacionamento — a não ser, é claro, que você curta muito pornografia.

inPad

Ele vem em duas versões (uma só com Wi-Fi, o inPad 701, e uma com 3G, o inPad 702) movidas pela CPU de 600MHz Rockchip RK2808. Ele tem 128MB ou 256MB de RAM, e 4GB ou 16GB de armazenamento interno. Ele tem ainda duas portas USB, uma Mini-HDMI e é alimentado por uma bateria de 2.200mAh. Ele é fabricado pela Inkia. Quem ele é? O inPad, é claro! E ele roda o Android 2.1 — sinônimo de LIBERDAAADEEE!

APad

Clone de iPad com teclado

Já falamos dele aqui: o APad custa US$210, vem com um processador Rockchip dual-core, memória flash de 2GB a 32GB, 128MB de RAM, tela de 7 polegadas (com 400×800 pixels de resolução), Wi-Fi, acelerômetro e roda o Android — ou, quem sabe, o Windows 7, para curar a dor de cotovelo do Ballmer. Como bônus, você conta com um visual de “iPhone de Itu” e um teclado que serve de apoio: é economia demais pra um produto só!

Zenithink

Clone de iPad da Zenithink

Também já mencionamos esta maravilha da tecnologia: tela de 10 polegadas (com 1024×600 pixels de resolução), CPU ARM Cortex-A8 de 1GHz, 512MB de RAM, memória flash de 16GB e uma bateria de 2.400mAh. Esta fera roda o Android 2.1 e basta um adesivo preto da maçã atrás para ficar incrivelmente similar a um iPad original, ainda que um pouco encolhido. Um verdadeiro milagre do design minimalista: não mudaram quase nada do original.

Meizu mBook

Tablet Meizu mBook

Não dá pra falar de clones sem mencionar a Meizu. Lembra de quando falamos do mBook? Tela de 8,4 polegadas (com 1024×768 pixels de resolução), bateria com autonomia de 12 horas (2 a mais que o iPad!), saída HDMI, reprodução de vídeos em HD 1080p, um processador de 1,5GHz, além de conectividade 3G, Wi-Fi e GPS. Pena que a previsão para ele chegar ao mercado seja em 2011 — quando o iPad v2 já deverá estar dando as caras…

LifesPad

Produzido pela Mastone, o LifesPad conseguiu o demérito de ter o nome mais ridículo desta lista. Mas as especificações dele não são nada risíveis: CPU de 1GHz Freescale, 512MB de RAM DDR2 e 3G, tudo isso acompanhado pelo Android 2.1. Para completar, o visual do LifesPad é diferente, então seu amor não vai ser tão zoado por estar andando com uma cópia descarada.

Tablet PC

Nome criativo, hein? Ele tem 7 polegadas (800×480 pixels), um processador ARM11 rodando a 800MHz, 2GB de armazenamento e 128MB de RAM. Sua estrutura de metal conta com entrada miniUSB, leitor de cartões SD, um conector para microfone e outro para fones de ouvido. Ele roda Windows CE 6.0 (WTH?!) e estará disponível em junho, por US$120. Mas, antes de decidir, dê uma olhada neste outro ângulo da belezinha:

· · ·

Com uma lista dessas para escolher o presente ideal, dia 12 de junho vai ser só alegria. Qual o seu iPad genérico plefelido? Responda nos comentários! 😛

Posts relacionados

Comentários