Apple libera primeira versão beta do iOS 4.1 [atualizado]

A Apple liberou neste final de tarde a primeira versão de testes do iOS 4.1, uma atualização de manutenção para o seu sistema operacional móvel que será distribuída para os seus atuais usuários em iPhones e iPods touch daqui a algum tempo. O lançamento inclui não apenas firmwares para aparelhos, mas também um novo kit de desenvolvimento de softwares associado à nova versão.

Não foram detalhadas quais mudanças estão inclusas no SDK ou no sistema operacional em si, mas a ideia mais aceita é que a maioria delas sejam correções para bugs — como o da exibição de barras de sinal no iPhone 4. Contudo, também era aguardado que a versão 4.1 do iOS fosse compatível com iPads, mas isso não deverá ser o caso, infelizmente.

As versões específicas do iOS 4 para iPhones e iPods touch podem ser obtidas agora por todos os desenvolvedores cadastrados no programa pago de desenvolvimento para a App Store, em conjunto do seu respectivo SDK. Para usuários finais, elas deverão ser distribuídas no final do trimestre.

Atualização

Os primeiros a testarem o iOS 4.1 beta 1 já começaram a informar algumas das mudanças incluídas no update. Conforme prometido pela Apple, a alteração no cálculo da força de sinal em iPhones realmente foi aplicada, sendo acompanhada por uma leve alteração no indicador gráfico exibido no canto superior esquerdo da tela.

Infelizmente, nada disso contribuiu para solucionar os problemas de recepção de sinal, mesmo com a presença de um novo firmware para baseband dos smartphones — versão 02.07.01. Resta saber agora o que a Apple fará se as reclamações dos usuários persistirem.

Além dessas mudanças, o Game Center deverá ser oficializado no iOS 4.1. Ele foi anunciado em um formato preliminar para desenvolvedores em julho e será uma rede social da Apple para fins de entretenimento, integrando diversas funções a futuros jogos para iOS.

Outras mudanças que merecem destaque são uma nova opção para desabilitar correção automática de textos e uma tecnologia de criptografia que a Apple passará a utilizar para identificar quando qualquer iPhone ou iPod touch tiver seu firmware modificado. A novidade reconhecerá qualquer aparelho submetido a um processo de jailbreak (mesmo após ele ser teoricamente desfeito com um restore), indicando a um técnico autorizado que a garantia do gadget pode ser cancelada.

Posts relacionados

Comentários