Microsoft inicia parceria com ARM; o que será que vai sair daí?

Logo da ARM

Hoje a ARM anunciou uma parceria inédita com a Microsoft: a gigante de Redmond tornou-se a primeira grande vendedora de software a ter uma licença de arquitetura, a mesma já empregada por Qualcomm, Marvell Semiconductor e Infineon Technologies. Tal acordo dará à Microsoft acesso às plantas da arquitetura ARM e de implementação de processadores.

Logo da ARM

“A ARM é uma parceira importante para a Microsoft, e nós fazemos vários sistemas operacionais com base na arquitetura dela, mais notavelmente Windows Embedded e Windows Phone”, disse KD Hallman, gerente geral da Microsoft. “Com acesso mais próximo à tecnologia ARM poderemos melhorar nossas atividades de pesquisa e desenvolvimento para produtos baseados nela.”

Os detalhes do acordo permanecem em segredo, mas Mary Jo Foley (proprietária feliz de um iPad, heh) já começou a imaginar se essa nova parceria não poderia significar a chegada de tablets com o Windows Phone 7 (“Se houver alguma por aí, a Microsoft deveria se apressar e deixar uma num balcão de bar!”) ou até a adaptação do Windows 7 para gadgets móveis. Contudo, há quem ache que um Xbox com arquitetura ARM seria mais provável, para evitar problemas com dissipação de calor.

O que veremos sair dessa toca de coelho? Deus sabe! Hardware, software, Xbox, Windows 7 ou smartphone, pra mim não interessa: se for bom, bonito, barato e não precisar de um gerenciador de tarefas ou de uma stylus, pode contar com minha presença nas filas de espera. Se for algo ao menos perto do Apple A4, já promete! 😉

Posts relacionados

Comentários