Analista eleva preço-alvo da AAPL para US$375, citando fortes vendas de iPads, Macs e iPhones

Logo da Apple na Retail Store da Quinta Avenida, em NYC

A Needham & Co. atualizou hoje suas previsões para a NASDAQ:AAPL, aumentando o preço-alvo das ações da Apple de US$280 para US$375 (e mantendo sua classificação de “Compra”). A última previsão estava bastante desatualizada segundo o analista Charlie Wolf, que não tecia novos comentários sobre o desempenho acionário da firma de Cupertino desde fevereiro.

Para Wolf, o vetor de vendas de iPads e Macs está significantemente superior ao que ele previa inicialmente. O iPad, por exemplo, já se aproxima de uma média de 12 milhões de unidades comercializadas por ano; antes, estimava-se que ele poderia chegar a 20 milhões somente até 2019. E isso porque ele ainda irá se expandir para diversos países.

Logo da Apple na Retail Store da Quinta Avenida, em NYC

O sucesso de iGadgets também tem estimulado bastante as vendas de Macs. Até o final de 2010 espera-se agora um total de 14 milhões de desktops e laptops comercializados — 50% a mais do que estimado anteriormente.

Wolf não deixou o iPhone fora de suas previsões, é claro. Para ele, o lançamento do iPhone 4 provou que consumidores estão trocando de aparelhos “muito mais rápido” do que o previsto. A atualização da AAPL não leva em consideração, ainda, a chegada do iPhone à rede da Verizon Wireless, nos Estados Unidos.

[via TheStreet]

Posts relacionados

Comentários