Conheça o Chomp: um sistema de busca que pretende se tornar o Google dos apps

Ícone do Chomp

A App Store é uma coisa linda, parece uma floresta tropical: apps bruxuleantes, milhares deles, espalhados em inúmeras categorias, organizados segundo popularidade, apps pagos, apps gratuitos… É um inferno encontrar algo específico nesse lugar e o sistema de busca da Apple só funciona se você já souber o nome do app ou de quem o desenvolveu.

Chomp, logo

É aí onde entra o Chomp, um serviço que inicialmente era apenas um agregador de reviews sobre apps, mas que lançou hoje sua própria ferramenta gratuita para iOS (2,3MB) e desktops. O Chomp ficou desde o início do ano colecionando mais de 400 mil usuários que já produziram 50 milhões de avaliações sobre apps, o que lhe permite começar, desde o primeiro dia, com uma base que chega a superar a da própria Apple (sério, tem apps com mais reviews no Chomp que na App Store) e viabiliza buscas semânticas de qualidade.

Chomp no iPhoneChomp no iPhone

O funcionamento do app não poderia ser mais simples: você pode buscar por palavras-chave, organizar resultados pelo preço, por categoria ou avaliações, e pode ver recomendações do sistema com base em seus reviews ou de pessoas que você segue no Facebook ou Twitter. É possível ainda ver aplicativos que sofreram mudanças recentes de preço, uma espécie de detetor de promoções. Ao comprar um app através dele, a Apple paga uma pequena quantia aos seus desenvolvedores — e, segundo eles, a Maçã está animadíssima com os resultados até agora.

Quem também deve estar de olho nesta ferramenta de busca é o Google, com seus 50 mil apps no Android Market. O objetivo do Chomp é se tornar uma ferramenta de busca agnóstica: apesar de atualmente ele apresentar apenas apps nativos e web apps para iPhones/iPods touch, no futuro ele deverá incluir aplicativos para iPads e outras plataformas, incluindo a do robozinho verde.

Serviços como este se tornarão cada vez mais necessários, especialmente se as previsões sobre uma explosão na quantidade de aplicativos móveis no mercado mundial se concretizarem. Quanto mais empresas puderem oferecer esse tipo de ferramenta, melhor, mas eu não vou negar que seria interessante se a Apple comprasse a Chomp para tornar as buscas na própria App Store mais eficientes.

[via TechCrunch]

Posts relacionados

Comentários