Andy Rubin(?) responde às declarações de Steve Jobs sobre abertura do Android

Andy Rubin

Ontem à noite Steve Jobs participou da conferência de resultados da Apple, algo inusitado e surpreendente que rendeu muito (e digo MUITO) pano pra manga. Um dos pontos altos da participação do CEO foi o “bodejo” de cinco minutos falando (mal) do Google e de sua estratégia com o Android, reforçando que a caracterização desse sistema operacional móvel é uma “cortina de fumaça” que esconde fragmentação.

Em resposta a isso, Andy Rubin, vice-presidente de engenharia do Google, teria achado por bem adotar uma variante leve da estratégia “vou xingar muito no Twitter”. Veja só o primeiro tweet que ele publicou:

Tweet de Andy Rubin sobre Android aberto

O que ele quis dizer: “Graças à abertura do Android, qualquer um pode ter seu sistema operacional, simplesmente usando esta linha de comando tão curta que cabe num tweet.” O que eu entendi de primeira: “Sistemas abertos favorecem a elite (os programadores), e a plebe (os usuários) que se vire pra entender a língua que falamos.” Eu acho que a mensagem ficou clara, de um jeito ou de outro: “O Android é bom pra quem programa, não pra quem usa.”

Começou com o pé esquerdo, hein, Rubin? (Digo, assumindo que seja ele mesmo, pois a conta ainda não tem o selo “Verified”.)

[via CNET News]

Posts relacionados

Comentários