CEO da ARM descarta Intel como rival de peso no segmento de tablets

CEO da ARM

CEO da ARMSabemos que a Intel foi pega dormindo no ponto, quando smartphones explodiram no mercado: quantos desses aparelhos têm Intel inside? Depois, a fabricante de chips voltou a tirar uma soneca e o iPad apareceu, alavancando sozinho o mercado de tablets: quantas dessas têm Intel inside? Nenhuma decente no mercado. A ARM, por outro lado, é criadora da arquitetura que move os aparelhos mais populares em ambos os segmentos, e não está com vontade de largar o osso.

Publicidade

Numa conversa com o Financial Times, Warren East, CEO da ARM, disse esperar que cerca de 60 milhões de tablets sejam vendidas em 2011 e que a Intel não pose como uma grande ameaça. Segundo o executivo, os processadores Atom de hoje “simplesmente não são bons o bastante em termos de consumo de força”. E, para ele, a Intel sabe disso.

Paul Otelinni, CEO da azulzinha, discordaria, creio. Infelizmente para a Intel, a transição de PowerPC para os processadores dela ocorreu pelo mesmo motivo: ineficiência energética. Só que, desta vez, a Apple começou usando a arquitetura alternativa em seus produtos ultraportáteis e deixou os chips mais parrudos nos computadores. Só que até estes estão começando a encolher… será que veremos o Mac OS 11 sendo compilado para arquitetura ARM, no futuro?

[via Electronista]

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…