Firma de análise assegura que ameaça de smartphones a videogames portáteis é bem real

Jogos no iPhone

“A proliferação de smartphones altamente multifuncionais é uma ameaça bem concreta à dominância do [Nintendo] DS e do [Sony] PSP no mercado de jogos portáteis”, declarou Courtney Johnson, gerente de pesquisa e análise da Interpret — se bem que o título dele poderia ser “Cavaleiro do Apocalipse” para as gigantes de games citadas. Em uma pesquisa conduzida com 9 mil pessoas, a Interpret descobriu que 44% do mercado de jogos móveis já pertencem a smartphones, um aumento de 53,2% em um ano, enquanto os consoles tradicionais caíram 13%.

Jogos no iPhone

Cá pra nós, vamos dar nome aos bois, né? Grande parte desse massacre é responsabilidade do iOS. Do que ele não tiver abarcado, o Android tomou conta — fora esses dois, acho que não sobra muita coisa. “BlackBerry” certamente não me vem à mente, neste assunto. 😛

Algo meio chocante é a estatística de que 27,2% das pessoas que usam exclusivamente smartphones para jogar on-the-go têm um DS ou PSP, apenas os encostaram. “Aparelhos que compreendem uma variedade de entretenimento e utilidades estão rapidamente roubando a cena de aparelhos de função única como favoritos dos consumidores”, disse Johnson.

Resta saber se o 3DS, um PSP2 e até um PSPhone serão capazes de parar essa onda. Aliás, esquece o PSPhone: quando/se ele chegar às lojas, pode crer que vai ser a Sony assinando um atestado de rendição incondicional, até porque diz a lenda que ele é baseado no Android. Será o fim dos videogames portáteis de outrora? O pior é que, por mais que digam que “Os jogos do PSP/DS são muito melhores e mais bem feitos!”, isso só depõe contra essas plataformas tradicionais: os consumidores estão preferindo os jogos simples e diretos para curtir em movimento.

[via Joystiq]

Posts relacionados

Comentários