Com o SwiftRing, você pode usar gestos no seu trackpad, mesmo que ele não seja multi-touch

Eu, como dono de um MacBook com trackpad antigo (ainda com botão separado), de vez em quando me sinto meio excluído da festa que começou quando a Apple passou a inserir multi-touch em seus portáteis. Como sempre acontece, os desenvolvedores criaram uma verdadeira rave de utilitários que fazem os trackpads mais novos se transformarem quase no Espelho de Galadriel, mostrando um futuro em que máquinas e seres humanos interagem de forma (sim, vou usar aquela palavra que começa com M) mágica.

Mas meu trackpad só reconhece dois dedos, e mal, de forma que o máximo que posso fazer é matar donos de PCs de inveja quando eu mostro o quanto o scroll do OS X é perfeito… até que alguém aparece mostrando scroll com inércia e eu fico emo de novo.

Não mais! Finalmente chegou um aplicativo para o resto de nós, donos de MacBooks com trackpads desprovidos de magia: o SwiftRing.

O conceito por trás dele é tão simples que me espanta a Apple nunca ter pensado em usá-lo. Segure Option e um menu circular aparece na tela. Deslize o dedo na direção de uma das ações e BOOM!, ela acontece — não precisa nem clicar. Honestamente, é o mais perto que se pode chegar de um pinch to zoom no Preview sem ter um trackpad de vidro: basta configurar o SwiftRing para executar o atalho de zoom in e deslizar um dedo para cima, que a imagem vai aumentar de tamanho.

Percebeu o espírito da coisa? O melhor de tudo é que dá pra salvar comandos diferentes para cada aplicativo, de forma que você sempre terá acesso fácil e rápido aos atalhos de teclado que mais usa. Com o tempo e o hábito, não é preciso nem esperar pelo menu circular para fazer o que quiser — quem olhar você fazendo e acontecendo com seu trackpad vai pensar que é mágica.

Ícone do SwiftRingO SwiftRing está em versão beta e, como tal, tem alguns bugs menores, requerendo o Mac OS X 10.5 ou superior (para que ele funcione é preciso ainda habilitar o acesso de instrumentos de acessibilidade nas Preferências do Sistema). Ele pode ser baixado gratuitamente aqui [DMG; 1,1MB].

[via MacStories]

Posts relacionados

Comentários