Google adquire SayNow, provavelmente com planos para um concorrente do FaceTime

Ícone do FaceTime para Mac

Ícone do FaceTime para MacEmpresa especializada em soluções inovadores de comunicação móvel, a SayNow anunciou hoje sua aquisição pelo Google, em um acordo que provavelmente foi feito para que a gigante de buscas tenha acesso a alguns dos seus produtos. Responsáveis por beneficiar 15 milhões de pessoas por meio de transmissões remotas de ligações de áudio e vídeo através de smartphones, as ofertas da SayNow deverão ser usadas como base para a a criação de um novo recurso de vídeo-chamadas para o Android concorrer com o FaceTime, da Apple.

Também existe a possibilidade de o acordo ter sido firmado visando apenas extensões para o serviço de voz da empresa, pois a SayNow trabalha com um sistema de criação de conferências de áudio entre múltiplos aparelhos que pode aumentar muito a utilidade do Google Voice. Mas as funções de vídeo criadas pela empresa podem ser o motivo principal para a aquisição, por permitirem que o Google adicione funções de vídeo-chamada em Androids de forma fácil e rápida — afinal de contas, há tempos se fala em um concorrente para o FaceTime.

Espera-se que funções de conversas em vídeo serão bastante exploradas no Android 3.0, que chegará neste ano, inicialmente focado em tablets. Não há como saber se o Google agregará recursos da SayNow ao novo sistema, mas se um recurso vídeo-chamadas para celulares for o maior plano da aquisição, não fará mais tanto sentido para a Apple tentar definir a sua implementação como padrão de mercado.

Posts relacionados

Comentários