Dica de leitura: conheça um pouco mais do Google sob comando de Larry Page [atualizado]

Vic Gundotra, vice-presidente de engenharia do Google

Há uma semana, durante o anúncio de resultados trimestrais, o Google liberou uma notícia que caiu como uma bomba: a troca de CEO. Sai Eric Schimidt, entra Larry Page, um dos fundadores da companhia. Isso certamente terá consequências no futuro, mas por enquanto é difícil dizer com precisão quais serão ela: só podemos observar o presente e tentar deduzir o que vai acontecer.

Publicidade

Vic Gundotra, vice-presidente de engenharia do GoogleJustamente por isso, a BusinessWeek publicou um longo perfil sobre a companhia que Page terá que conduzir, um texto que traz detalhes e informações sobre os principais executivos no alto escalão da empresa. Entre eles está Vic Gundotra, que foi responsável por uma das detonações públicas da Apple mais pesadas na história recente. Apesar de ele ter dito depois que era tudo uma brincadeira, um trecho dessa matéria da BW deixa evidente sua animosidade com o pessoal de Cupertino:

Gundotra também já teve seus trancos com a Apple por trás das cenas. Com a transformação do Android em uma ameaça em 2008, a Apple começou a resistir aos pedidos do Google para usar os valiosos dados de localização sempre que um dono de iPhone usasse o Google Maps. Suas negociações com Phil Schiller, chefe de marketing da Apple, ficaram tão acaloradas que foi preciso Schimidt e Steve Jobs intervirem para ajustar o assunto, de acordo com duas pessoas familiarizadas com o incidente.

Ouch. Além de Gundotra, outros cinco grande nomes dentro do Google são perfilados pela BW: Andy Rubin, Salar Kamangar, Susan Wojcicki, Sundar Pichai e Amit Singhal. É uma leitura obrigatória para quem quiser estar por dentro do funcionamento desse colosso da web.

[via 9 to 5 Mac]

Atualização (às 18h31)

Curiosamente, o Fortune Tech publicou hoje declarações feitas por Eric Schmidt durante o Fórum Econômico Mundial em Davos, Suíça, as quais refletem a faceta do Google que é best frinds forever da Apple.

“Steve Jobs é absolutamente brilhante”, disse Schmidt. “Ele é o CEO mais bem-sucedido do mundo inteiro. [A Apple] conseguiu construir um sistema fechado, elegante e escalonável. O Google está tentando fazer algo com uma abordagem totalmente diferente.”

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…