NASDAQ:AAPL sobe de novo e atinge US$359 durante o pregão; hora de uma “stock split”?

Stock splits da AAPL

Pelo terceiro dia seguido, as ações da Apple subiram na NASDAQ e atingiram recordes históricos. O fechamento de hoje foi 0,83% maior que o de ontem, agora a US$358,16 — mas durante o pregão elas chegaram a valer uma cotação máxima de US$359.

Diante dessas subidas constantes e do valor que a AAPL já atingiu, o Fortune Tech levanta hoje a discussão: seria a hora de uma nova “stock split”, isto é uma divisão (ou desmembramento) de ações da empresa?

Stock splits da AAPL

Explicando de forma leiga, uma divisão de 2:1 significaria dobrar o número de papéis da Apple no mercado, fazendo-os valer a metade de hoje — US$179,08, portanto. Ela pode ser mais agressiva também — 4:1, por exemplo, reduzindo o custo individual de cada ação da empresa para US$89,54, ou até de 10:1 (US$35,82 cada), o que é ótimo para pequenos investidores.

A última divisão feita pela Apple foi de 2:1, em 28 de fevereiro de 2005. Naquela época, a AAPL valia US$88,99, terminou o dia por US$44,86. Mas só demorou cerca de um ano para voltar ao patamar de US$80.

A proposta não é absurda, mas ninguém sabe se a Apple tem interesse, agora, de fazer isso de novo. No gráfico acima, os círculos cinzas indicam momentos em que ela dividiu ações, no passado. Quem sabe a Maçã prefira um grupo acionário pequeno — mais ou menos como ocorre com seus produtos, mais caros e seletivos do que o normal.

Hoje, o valor de mercado (market cap) da Apple está estimado em US$329,96 bilhões.

Posts relacionados

Comentários