E tome rumores! iPhone 5 com tela de 4″ e chip A5; iPad 2 com chip A4 “aprimorado”

iPhone 4 CDMA

Quem estranha tantos rumores sobre a Apple não conhece o mundo Apple. Mas é inegável que os últimos dias estão bastante fora do normal — alguns apostam que boa parte das informações que têm pipocado por aí são plantadas pela própria Maçã, especialmente porque ela não está participando do Mobile World Congress (MWC) 2011, em Barcelona.

Publicidade

Um atrás do outro, o DigiTimes publicou na virada desta segunda para terça-feira dois artigos [1, 2] com mais detalhes sobre futuros iGadgets.

iPhone 5

A grande novidade é que o smartphone poderá passar a ter uma touchscreen de 4 polegadas, contra as 3,5 polegadas atuais.

iPhone 4 CDMA

Publicidade

Isso acarretaria duas coisas, logo de cara: 1. a densidade de pixels da tela diminuiria, porque dificilmente a Apple irá mudar de novo o padrão de 640×960 pixels de Retina Displays (é possível que ela ainda fosse considerada Retina, porém, já que há uma folga hoje em dia), e 2. será que poderíamos chamar os iPhones com telas de 3,5″ de iPhones nano, a partir daí? Hehe. 😛

O veículo também afirma que o iPhone 5 será equipado com um chip Apple A5 (baseado no ARM Cortex-A9). Sem falar, é claro, nas possibilidades de ele ser um telefone universal (híbrido GSM/CDMA) e ter sua RAM aumentada para até 1GB.

Publicidade

iPad 2

É difícil dizer ao certo as diferenças entre eles e se o iPhone teria mesmo um chip mais poderoso que o do próximo iPad, mas o DigiTimes afirma que a segunda geração da tablet da Apple utilizará um processador Apple A4 “aprimorado” em relação ao atual.

Chip Apple A4

Isso me leva a pensar de novo sobre os boatos de um “iPad 3” lá para setembro… será que só este receberia o A5, ou quem sabe um outro chip mais potente, dual-core?

Publicidade

Diante da crescente concorrência entre Apple e Samsung nos segmentos de smartphones e tablets, parece que a firma de Cupertino também deverá passar a direcionar a produção desses chips para a TSMC (Taiwan Semiconductor Manufacturing Company), que já a atendeu bem em épocas difíceis para a Samsung.

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…