Apple, Oracle, Cisco e outras brigam por “feriado de impostos” nos Estados Unidos

Apple money (maçã em cima de dinheiro)

Apple money (maçã em cima de dinheiro)No final do ano passado, destacamos que a Apple continuava gastando muito pouco com lobbying nos Estados Unidos — porém um indicativo de que isso estava prestes a mudar veio há poucas semanas.

Ontem, a FORTUNE revelou que Apple, Oracle, Cisco, Duke Energy e Pfizer — gigantes dos segmentos de tecnologia, farmácia e energia — se juntaram em busca de um “feriado de impostos” nos EUA, a fim de retornar uma quantia estimada em US$1 trilhão, hoje presa nos estrangeiro devido à grande fatia que seria abocanhada pelo governo estadunidense caso fosse transferida.

A proposta seria de conquistar uma anistia de um ano para taxas de importação, possibilitando que essas companhias repatriassem o dinheiro com uma taxação de cerca de 5% — contra os 35% que têm que enfrentar atualmente.

Na sua última conferência de resultados financeiros, a Apple revelou que vendas internacionais representam agora 62% do seu faturamento — isso explica muito tamanho interesse dela nesta ação. A firma de Cupertino possui hoje mais de US$60 bilhões em seus cofres.

[via MacRumors]

Posts relacionados

Comentários