Vídeo: na Universidade de Bristol, iPad é usado para controlar pinça microscópica de laser

iTweezers

Acredito que “mover materiais microscópicos” não tenha sido um cenário de uso muito prioritário durante o desenvolvimento do iPad, mas eis que a tablet da Apple acabou se mostrando ideal para esse fim. Na Universidade de Bristol, Inglaterra, uma equipe de pesquisadores descobriu que a touchscreen do gadget era perfeita para exibir imagens de amostras num microscópio e movê-las usando pinças laser.

Em vez de controlar apenas um laser de cada vez, como era o costume com um mouse, o iPad permite que até 11 focos sejam manipulados diretamente, apenas tocando a tela. Isso possibilita mover amostras livremente, girá-las e até alterar o plano em que elas se encontram através de movimentos de pinch. Teoricamente, um pesquisador poderia controlar amostras de casa, durante o intervalo da novela ou quando um estagiário telefonasse desesperado porque algumas moléculas ficaram desalinhadas.

No fim das contas, o que aconteceu? Cientistas pegaram uma tecnologia voltada para consumidores e se apropriaram dela, transformando-a em uma ferramenta de trabalho em laboratórios. Normalmente as coisas funcionam seguindo o caminho inverso, mas parece que os produtos da Apple não se apegam muito a essas convenções. Think different.

[via AltEngadget]

Posts relacionados

Comentários