Richard Branson elogia rasgadamente Steve Jobs e diz que apreciaria uma fusão da Virgin com a Apple

Richard Branson

Prepare-se para ver quilômetros e quilômetros de seda sendo rasgada: o milionário Richard Branson (mas não tão milionário quanto Steve Jobs) disse em uma entrevista publicada ontem pelo TechRadar UK o quanto admira a Apple e seu CEO.

“Steve Jobs (espero que ele supere esta doença) é o empreendedor que mais admiro no mundo e [a Apple] é a marca que mais admiro. Além disso, ele é o maior artista das voltas por cima: ele já caiu duas vezes e lutou no caminho de volta, criando uma empresa global brilhante”, disse Branson, adicionando que ele não se importaria se “Jobs quisesse renomear sua companhia de ‘Virgin Apple’ e fazer uma fusão”.

Vejá só o vídeo:

Sobre o iPad, o dono da Virgin adicionou que a tablet de primeira geração se tornou um dos seus gadgets favoritos, e ele não vê a hora de pôr as mãos no novo modelo — vale lembrar que a revista Project continua fazendo sucesso na App Store. Nem tudo é para sempre, porém: diante da concorrência do Google Android, pode ser que o reino supremo da Maçã no mercado de tablets um dia acabe.

Um dia, quem sabe, mas definitivamente não hoje. 😉

[via 9 to 5 Mac]

Posts relacionados

Comentários