Dica do dia: use comandos especiais e bote seu Spotlight para trabalhar

Ícone do Spotlight

Ícone do SpotlightDesde o Mac OS X 10.4 Tiger, ele está presente no dia-a-dia de quem tem um computador da Maçã: basta pressionar simultaneamente Command e a barra de espaços para poder começar a procurar por qualquer tipo de arquivo no Spotlight. Só que muita gente ignora o fato de essa ferramenta ser muito mais poderosa do que aparenta à primeira vista.

O impulso primordial ao buscar um arquivo ou aplicativo é apenas digitar um pedaço do nome dele, certo? Certo, mas saiba que você pode usar alguns atributos para restringir uma busca, como Name:, para o nome do arquivo, ou Kind:, para o tipo, e até Modified:, para a última alteração, ou Created:, para a data de geração do que você busca. Na verdade, vale praticamente tudo na janela Get Info (para vê-la, use Cmd+i em qualquer arquivo no Finder).

Daí, você pode buscar por MacBook kind:PDF para procurar pelo manual de instruções do seu computador, que deve estar salvo em alguma pasta, mas você não lembra onde, ou então buscar por kind:folder created:1/1/2011-31/1/2011 para caçar todas as pastas criadas em janeiro (muita coisa do sistema pode aparecer!).

Quer mais? Que tal modificadores booleanos? É possível combinar itens numa busca usando AND, OR e NOT, além de poder excluir termos apenas com o - (hífen). Daí, uma busca por namorada -ex kind:image pode resultar em fotos somente com a sua parceira atual. 😛

Enfim, as possibilidades são muitas e dá pra combinar vários comandos de busca de formas criativas e inusitadas para executar as mais variadas tarefas. Faça experiências à vontade (você não vai quebrar seu Mac com o Spotlight!) e compartilhe nos comentários os comandos que achar mais interessantes. 😉

[via Pratically Efficient]

Posts relacionados

Comentários