Poderia um iPod funcionar por meio das batidas do coração?

Avanços em nanotecnologia feitos pela Universidade da Geórgia (Estados Unidos) estão dando origem a componentes eletrônicos capazes de gerar energia com movimentos naturais do corpo humano, incluindo as batidas do coração. Com base no que os pesquisadores conseguiram obter, é possível que futuros aparelhos de baixo consumo de energia funcionem sem a necessidade de serem manualmente recarregados.

Na lista de potenciais candidatos a fazer bom uso desta tecnologia, estão os modelos mais modestos do iPod, que poderiam gerar energia não apenas com o movimento do corpo, mas também com os gestos aplicados em sua superfície — no caso do iPod nano. Os pesquisadores estão interessados em obter com eletrônicos resultados similares ao funcionamento de antigos relógios de pulso.

Atualmente, os chips criados para gerar energia usam cinco nanogeradores, capazes de produzir uma diferença de potencial equivalente a duas pilhas AA comuns. Parece pouco, mas é o suficiente para que pequenos LCDs e transmissores de sinal de rádio funcionem com sucesso, hoje em dia.

[via The Telegraph]

Posts relacionados

Comentários