CEO da Acer pede demissão em meio a discussões sobre futura concorrência com a Apple

Gianfranco Lanci, da Acer
Gianfranco Lanci fez a Acer atingir ótimos resultados no mercado de PCs

No mercado de computadores, a Acer é a primeira rival diante da Apple, que chegou bem perto de ultrapassar seu total de desktops e portáteis vendidos no final do ano passado. O mérito da aproximação da Maçã contra a empresa taiwanesa, no entanto, não é dado apenas em relação ao sucesso do Mac: entre outubro e dezembro de 2010, a Acer caiu 28,5% em relação ao quarto trimestre de 2009, uma estatística que serviu de catalisador para a crise organizacional revelada nesta semana.

Gianfranco Lanci, da Acer
Gianfranco Lanci fez a Acer atingir ótimos resultados no mercado de PCs

Tal crise levou ontem à demissão de Gianfranco Lanci, que esteve no posto de CEO da Acer nos últimos seis anos. Entre os responsáveis pela tomada de decisões na empresa, Lanci tinha divergências com relação ao seu plano de futuro, que sofreu mudanças com relação ao sucesso de smartphones e tablets. Segundo o DigiTimes o maior impacto veio da própria Apple, que, apesar de ainda permanecer atrás na venda de Macs, conseguiu criar dois grandes negócios paralelos com o iPhone e o iPad — e este já pode ser caracterizado como um computador pessoal.

Na reorganização proposta pela maior parte dos diretores da Acer, será preciso investir em pesquisa e desenvolvimento para fomentar projetos no segmento móvel, em vez de manter apenas o foco no mercado de PCs. Da mesma forma que a Apple aumentou o seu valor fora dele, os executivos da empresa taiwanesa também acreditam que a iniciativa é a melhor a ser tomada.

A demissão de Lanci foi apenas mais uma que teria sido causada pelo sucesso da Apple entre as gigantes de tecnologia. Em setembro, Olli-Pekka Kallasvuo deixou sua cadeira na presidência da Nokia, que recentemente anunciou uma reestruturação total dos seus negócios com base no Windows Phone 7. Na mesma época, Nam Young abandonou o mesmo posto à frente da LG, que afirmou estar incapaz de defender seus negócios da competitividade com a turma de Steve Jobs.

Posts relacionados

Comentários

Deixe uma resposta