Parallels Desktop 6 está agora totalmente em português; MacMagazine entrevista executivo da empresa

Caixa do Parallels Desktop 6 para Mac

Caixa do Parallels Desktop 6 para MacNo final de setembro do ano passado, anunciamos em primeira mão, aqui no site, que a distribuidora Boxware iria produzir o Parallels Desktop 6 no Brasil. Na época, a caixa e o manual do produto já estavam totalmente em português, mas o software não.

A partir do final deste mês, isso mudará. A parceria entre a Boxware e a Parallels está indo muito bem, o que fez ambas as empresas trabalharem juntas, nos últimos meses, para traduzir o software por completo para o nosso idioma. A versão 6 em português do Parallels Desktop para Mac chegará às lojas ainda em abril — mantendo o mesmo preço de antes, R$180.

Quem está no Brasil nesta semana para promover a novidade é o Carlos Capó, diretor de vendas da Parallels para a América Latina. O MacMagazine conversou com ele e traz a seguir uma entrevista exclusiva para vocês.

MacMagazine entrevista executivo da Parallels

Carlos Capó, da ParallelsMACMAGAZINE: Como ocorreu essa aproximação e firmou-se a parceria da Parallels com a Boxware?
CARLOS CAPÓ: Vim para o Brasil no ano passado, depois de muitos anos, pela primeira vez à frente da Parallels. Visitei muitos clientes e acompanhei o crescimento recente da Apple na América Latina. Naquela ocasião fui apresentado ao João Domingues, CEO da Boxware, o qual me apresentou os serviços e projetos de sua empresa. Não foi uma decisão difícil fechar com eles. Em outubro, quando lançamos o Parallels Desktop 6 no Brasil, a caixa e o manual do produto já estavam em português. O próximo passo natural era traduzir o software em si, o que levou mais alguns meses.

MM: Qual a expectativa da Parallels para o mercado brasileiro?
CC: O Brasil é atualmente o país latino-americano onde registramos o maior crescimento em vendas. Com a chegada da versão traduzida do Parallels Desktop 6 para Mac, esperamos um aumento de pelo menos 50% em nossas vendas.

MM: Avaliando as diversas soluções de virtualização para Mac, por que usuários deveriam optar pelo Parallels?
CC: Nos Estados Unidos, a Parallels tem hoje quase 80% de market share entre as soluções de execução do Windows no Mac. Nosso produto é #1 em performance, estabilidade e funcionalidades — e, embora eu possa ser tendencioso falando isso, testes independentes confirmam a nossa superioridade. O VMware Fusion come poeira em gráficos — especialmente no Windows 7, que possui recursos pesados como o “Aero”. Também oferecemos um app para iOS de acesso remoto via iPads e estamos constantemente inovando. Não há nada de realmente útil para os nossos clientes que não ofereçamos hoje em nossa solução. Somos pioneiros e estamos constantemente olhando em frente.

MM: O Parallels Mobile, para iOS, também será traduzido para o português?
CC: Boa pergunta, vou levar isso às nossas reuniões! Isso não está dentro dos nossos planos imediatos, já que focamos todos os nossos esforços na tradução do software principal. Até onde me lembro, o Parallels Mobile só está disponível hoje em inglês, enquanto o Desktop está chegando a 12 idiomas com o lançamento desta versão em português. Mas é definitivamente algo a ser pensado.

MM: O que a Parallels pensa sobre a necessidade cada vez mais decrescente do uso do Windows em paralelo ao Mac OS X? Bancos, Office, Imposto de Renda… até o AutoCAD já retornou ao Mac, hoje em dia.
CC: Certamente é algo a se considerar, visto que cada vez mais os softwares para Mac estão parecidos com os de Windows. Esta é uma preocupação para a Parallels, sem dúvida, mas continuamos achando que há muitos propósitos que justificam a utilização do Parallels com Windows no Mac. Alguns softwares que já estão disponíveis para Mac continuam rodando melhor em Windows, e muitos usuários não querem se dar ao trabalho de transferir/converter tudo para o Mac. Num curto-médio prazo, continua existindo uma elevada demanda pelo produto. Muita gente, especialmente “switchers”, continuam necessitando do Windows e demoram 1-2 anos para se familiarizarem e se acostumarem por completo com o Mac. Ainda assim continuaremos inovando e buscando novas alternativas. A popularidade do iOS nos atrai bastante, principalmente no quanto ele tem afetado e influenciado a evolução do Mac OS X. Estamos nos sentindo bem no mercado e continuaremos crescendo neste ano.

MM: Alguma coisa que queira adicionar para os nossos leitores?
CC: O Brasil é um mercado sensacional e está acompanhando bem o crescimento da Apple no resto do mundo. Estamos muito interessados e contentes de estar entrando nesse novo mercado e acreditamos que a versão localizada do Parallels Desktop 6 para Mac agradará a muitos de vocês.

· · ·

O MacMagazine agradece à Boxware e à Parallels, em especial ao Carlos Capó, pela oportunidade de termos tido essa ótima conversa sobre os planos da companhia para o mercado brasileiro.

Atualmente, o Brasil representa 5% do mercado mundial da Parallels; veremos como vamos estar daqui a um ano. 🙂

Posts relacionados

Comentários