Vendas de ebooks triplicam nos Estados Unidos e já superam as de livros impressos

Mão com iPad 2 e iBooks

Mão com iPad 2 e iBooksEm um press release divulgado na última quinta-feira, a Association of American Publishers revelou que as vendas de ebooks, em média, mais que triplicaram(!) nos Estados Unidos no mês de fevereiro, em relação ao mesmo período de 2010. Somando a renda de 16 editoras, seu faturamento chegou a US$90,3 milhões.

Enquanto isso, as vendas de livros adultos de capa dura caíram 43%, enquanto os de papel mais econômico (paperbacks) caíram 41,5% — com receitas de US$46,2 milhões e US$29,3 milhões, respectivamente. O download de audiobooks, por sua vez, está em alta: eles subiram 36,7% do ano passado pra cá, faturando assim US$6,9 milhões.

O Amazon Kindle evidentemente lidera o segmento, mas a notícia é ótima também para a Barnes & Noble, fabricante do nook, e para a própria Apple — que possui a loja iBookstore com títulos à venda para iPads, iPhones e iPods touch.

Curiosidade extra: quantos livros vocês leram desde o começo deste ano? Podem ser digitais ou não. 😉

[via VentureBeat]

Posts relacionados

Comentários