E segue a novela sobre o investimento de US$12 bilhões da Foxconn no Brasil…

iPad 2 com a bandeira do Brasil

É um pouco surreal ver o Brasil como palco de um grande rumor envolvendo a Foxconn, principal parceira da Apple na fabricação de iProducts. Ultimamente o assunto tem dado o que falar e, a julgar pelo que aconteceu com o iPad (née “a iTablet”) e com o iPhone CDMA, vai continuar sendo motivo de discussão até que se concretize — torçamos apenas para que seja logo.

Logo da Foxconn e bandeira do Brasil

Em mais um capítulo dessa história, temos três novos fatos. O primeiro foi publicado no VEJA.com: segundo uma fonte que teria acompanhado as conversas com a gigante de eletrônicos, a Foxconn deverá bancar até metade do investimento de US$12 bilhões mencionado durante a visita da presidente Dilma à China. O restante do dinheiro virá de parceiros brasileiros e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).

O segundo fato tem a ver o primeiro: conforme conta o Convergência Digital, em uma declaração ao programa Bom Dia Ministro [no primeiro minuto do vídeo acima], o ministro da Indústria e do Comércio, Fernando Pimentel, ratificou os números grandiosos (até demais) do investimento da Foxconn. “Isso é um processo longo, a empresa não vai chegar aqui do dia para a noite e contratar 100 mil pessoas”, disse o ministro. Ele afirmou ainda ser “perfeitamente possível que a Foxconn complete seu programa de investimentos [de US$12 bilhões] e chegue aos números que anunciou” — entretanto, ela não anunciou nada ainda, pelo menos não oficialmente.

Por fim, Soni Racy, do Estadão, comentou que Eike Batista teria recebido um pedido de Sérgio Cabral, governador do Rio de Janeiro, para levar as instalações da Foxconn para seu Estado, deixando São Paulo para trás. Com o tanto que se fala de Jundiaí como alvo do investimento, presumo que o lobby tenha falhado, ou será que essa decisão ainda vai ser tomada?

E, com isso, segue a novela: preparemo-nos para as fortes emoções dos próximos capítulos!

[dica do @yuredfernandes, obrigado!]

Posts relacionados

Comentários