Eis outra possível grande novidade do iOS 5: atualizações pelo ar, independentes do iTunes

iPhone necessitando-se conectar ao iTunes

O 9 to 5 Mac reaqueceu hoje um rumor de longa data: a possibilidade de donos de iPads, iPhones e/ou iPods touch fazerem atualizações do iOS pelo ar, sem a necessidade de serem conectados a um Mac/PC pelo iTunes, usando um cabo USB.

Segundo eles, a novidade estaria sendo trabalhada pela Apple em parceria com a Verizon Wireless nos Estados Unidos, mas se implementada no iOS 5 poderá evidentemente ser expandida para a AT&T e outras operadoras internacionais, da mesma forma que ocorreu com o Acesso Pessoal (Personal Hotspot).

iPhone necessitando-se conectar ao iTunes

A comodidade de ter algo assim à disposição dos usuários (sem descartar o meio convencional, é claro, afinal, backups também são importantes) é excelente, e é certamente um grande passo à frente para o iPad realmente ser considerado um dispositivo que pode substituir um PC.

Só há uma coisa com que a Apple tem que se preocupar, antes de mandar essa ideia para frente: tornar esses updates mais leves — aliás, bem mais leves. Hoje em dia baixamos todo o firmware do sistema, em vez de simples pedaços/instaladores que só modificam o que é realmente necessário. Imaginem só, baixar 666MB (como o recém-liberado iOS 4.3.3) via 3G; nada agradável.

Vale notar, ainda, que o recurso não seria nada inovador por parte da Apple. Smartphones com Android ou HP webOS já podem fazer isso há bastante tempo, embora requeiram, no caso do sistema do Google, que os updates sejam liberados independentemente por cada operadora — se e quando elas quiserem.

Posts relacionados

Comentários