Google apresenta melhorias em formato WebP para imagens mais leves e tão boas quanto JPEGs

Ícone de uma imagem WebP do Pixelmator

O Google anunciou ontem no Chromium Blog diversas melhorias implementadas no padrão WebP para imagens mais leves e de alta qualidade. As novidades incluem um algoritmo de compressão mais eficiente (e totalmente compatível com versões anteriores), um upsampler para reduzir a pixelização de bordas muito marcadas, a possibilidade de decodificar dados à medida que eles são baixados e de segmentar as imagens em regiões com níveis distintos de compressão.

Por enquanto, os navegadores com melhor suporte ao formato WebP são o Chrome e o Opera, mas é possível que mais nomes sejam somados a essa lista em breve, principalmente se o padrão para imagens se tornar popular.

Comparação de JPEG e WebP

No Mac OS X, o Pixelmator já oferece suporte completo a WebP, e o plugin Weppy adiciona suporte aos navegadores do sistema. Caso você use um navegador compatível com o formato, pode ver uma galeria comparando a qualidade de JPEGs e WebPs — elas são basicamente idênticas, mas o formato apoiado pelo Google gera arquivos consideravelmente menores.

Ah, e na comparação acima, a imagem em WebP é a da direita — ela pesa 30% menos. 😉

[via TechCrunch]

Posts relacionados

Comentários