iSync também desaparecerá no Mac OS X Lion

Ícone do iSync

Ícone do iSyncAcredito que um número considerável de pessoas lembra-se do iSync, um utilitário da Apple para o Mac OS X capaz de sincronizar dados da Agenda (Address Book) do sistema e do iCal com diversos dispositivos de terceiros, incluindo celulares com conexão USB ou Bluetooth. No Snow Leopard, ele ainda está disponível e funciona muito bem (mesmo com módulos escritos por terceiros — dos quais eu dependo, inclusive), mas, com base em relatos de alguns desenvolvedores ao TUAW, o aplicativo deverá ser descontinuado no Lion.

Publicidade

Em versões de testes recentes do novo sistema operacional, o iSync já desapareceu do diretório de aplicativos e, pelo visto, nem foi para a pasta de utilitários — onde a Apple costuma mandar suas ferramentas usadas com menos frequência. Curiosamente, a sincronização de dados entre Macs e o MobileMe também depende do iSync no Snow Leopard, indicando que a Maçã teve de contornar essa dependência para conseguir remover o iSync nas versões de testes do Lion.

A medida tomada pela empresa não surpreende: além de poucos notarem sua presença, ele já não ganhava compatibilidade com novos aparelhos há um certo tempo — o que era de se esperar, com o sucesso dos iGadgets, de gerenciamento totalmente restrito ao iTunes. Para sincronizar dados com aparelhos fora deste escopo no Lion, os usuários deverão optar entre usar as soluções padrão das fabricantes dos seus gadgets (caso disponíveis, obviamente) ou adquirir um aplicativo de terceiros que faça a mesma coisa.

Relatos anteriores mostram que o iSync não é o único aplicativo a dizer adeus a partir do Lion, pois Front Row (o “media-center” da Maçã) e Rosetta (tradutor de aplicativos PowerPC para Intel) também foram descontinuados pela Apple. Além disso, a companhia passou para a Oracle a responsabilidade principal sobre a máquina virtual Java para Mac OS X, que não virá pré-instalada em Macs rodando o Lion.

Publicidade

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…