Estoques reduzidos de AirPorts e Time Capsules podem indicar chegada de novos modelos em breve [atualizado]

Bases Wi-Fi da Apple

Com tantos rumores sobre a Apple entrando de cabeça em computação da nuvem, Macs e iGadgets evoluindo suas tecnologias de comunicação sem fio, AirDrop no Mac OS X Lion, atualizações pelo ar a partir do iOS 5 e afins, a notícia de hoje cai como uma bomba: a Apple pode estar preparando, para breve, o lançamento de novas versões de AirPorts Express, AirPorts Extreme e Time Capsules.

Bases Wi-Fi da Apple

De acordo com o TUAW e o MacRumors, várias lojas da Apple estão praticamente sem estoques dessas bases Wi-Fi, e as que ainda tinham unidades não-vendidas foram requisitadas a devolvê-las — um forte indicativo de que novos modelos estão chegando, em vez de ser simplesmente uma coincidência ou problemas temporários de fabricação.

O que poderia vir de novo nesses produtos ainda é bastante incerto, mas quem sabe a Apple tenha preparado mudanças visuais externas, otimizado o padrão 802.11n para velocidades de até 450Mbps e embutido portas mais modernas para transmissão wireless de áudio, vídeo e dados. Torçamos, é claro, para que os preços também sejam reduzidos. 😉

Nas Apple Online Stores, pelo menos, não há nenhum indicativo que corrobore essas informações — todos os produtos estão com previsão de despacho de até 24 horas, tanto nos Estados Unidos quanto no Brasil.

Embora tudo indique que Steve Jobs & cia. só trarão novidades relacionadas com software na WWDC, rápidos comentários sobre esses novos produtos não fugiriam tanto assim da pauta. Ou então, se muito, a Apple pode nem falar deles na keynote, mas sim colocá-los em seu site logo após o término dela — e não seria a primeira vez que ela faria isso.

Atualização (às 11h25)

O 9 to 5 Mac é mais um que corrobora as informações sobre estoques em baixa, comentando apenas que os AirPorts Express estariam com um inventário folgado.

A novidade é que os novos Time Capsules poderão trabalhar de forma inteligente, identificando os dispositivos conectados a eles via Wi-Fi e fazendo o download de atualizações de software automaticamente. Assim, quando a pessoa fosse atualizar o Mac OS X e/ou o iOS, os arquivos necessários para tal já estariam disponíveis localmente, acelerando o processo.

A parte relacionada com o iCloud também pode ter a ver com uma recente patente publicada pela empresa: os novos Time Capsules poderão ficar responsáveis por armazenar arquivos (ou parte deles) mais utilizados pelos usuários, descartando a necessidade de buffering em músicas e vídeos, e tornando mais rápido e ágil o acesso a documentos utilizados constantemente.

Posts relacionados

Comentários