Apple responde dúvidas sobre o Final Cut Pro X; boa oportunidade para a Adobe? [atualizado]

Ícone do Final Cut Pro X

Ícone do Final Cut Pro XMantendo a sua tradição de deixar a poeira baixar e se preparar bem para dar respostas aos seus consumidores, a Apple publicou hoje, depois de muitas críticas pós-lançamento [1, 2, 3, 4], um FAQ completo sobre o Final Cut Pro X.

Em um parágrafo introdutório, a Apple reconhece que o FCPX “gerou muita polêmica na comunidade profissional de vídeo” — um claro eufemismo para a reação que de fato ocorreu.

Entre as respostas dadas pela Apple estão a confirmação de suporte a multicam “na próxima grande atualização do produto”, exportação para XML em breve (que tem a ver com o que mostramos aqui no site) e abertura de APIs para desenvolvedores de plugins.

A má notícia é que o FCPX não virá a suportar importação de antigos projetos do Final Cut Pro 7, devido às grandes diferenças de arquitetura entre eles. Como o FCP7 pode continuar instalado em máquinas com o FCPX, isso não deve representar um problema e só será uma preocupação durante esta fase inicial de transição.

· · ·

Em paralelo a tudo isso, eu fico pensando no tanto que a Adobe está perdendo com essa oportunidade de ouro, de puxar mais usuários para a sua solução Premiere Pro. Ela há tempos oferece recursos e informações para quem pensa em migrar, mas deveria estar fazendo muito mais.

Caixa - Adobe Premiere Pro CS5.5

A Adobe tem páginas destacando histórias de profissionais que migraram para o Premiere Pro e tutoriais rápidos para iniciantes nele, mas a essa altura do campeonato eu já teria lançado até uma campanha publicitária de oportunidade.

Por outro lado, a chegada do FCPX não matou o FCP7, então não é também motivo para profissionais pensarem em mudar todo o seu ambiente só por causa disso. Se a Apple cumprir a sua promessa, em breve a sua nova solução passará a agradar mais e mais editores especializados.

[via MacRumors, The Loop]

Atualização (às 10h29)

Adobe, aprenda com a Avid:

[blackbirdpie id=”85897743205277696″]

É isso aí. 😛

[dica do Rogerio Oliveira]

Posts relacionados

Comentários