Flurry: jogos freemium estão rendendo bem mais que os vendidos de forma tradicional na App Store

Receita de jogos freemium e premium na App Store - Flurry

Premium ou freemium, eis a questão. Segundo dados coletados pela Flurry entre os 100 jogos mais rentáveis da App Store, os dias em que você pagava por um jogo completo e corria pro abraço podem estar contados: de janeiro para junho de 2011, os games gratuitos com In App Purchases se tornaram os maiores arrecadadores de dinheiro.

Receita de jogos freemium e premium na App Store - Flurry

Isso não é nenhuma surpresa, pois o sucesso de tal modelo já é cantado há um bom tempo, mas vale notar algumas peculiaridades desse tipo de estratégia. A principal delas é que a quantidade de jogadores que investem na aquisição de itens em um jogo é muito pequena, podendo ir de 0,5% a 6%, a depender da qualidade e da mecânica do app. Contudo, essa pequena parcela de jogadores dedicados investe pesado, podendo chegar aos milhares de dólares oriundos de um único indivíduo, em alguns casos extremos; o melhor é que, em geral, a quantidade investida fica acima do US$1–2 que poderia ser o preço do app.

Outro fator a ser levado em consideração é que, como o jogo é gratuito para todos, estamos falando de 0,5% de uma quantidade extremamente grande de pessoas — muito mais do que se o app custasse alguma coisa. A fronteira final para os apps freemium deverá ser descobrir como aumentar a quantidade de jogadores pagantes e mantê-los sempre absorvidos pelos jogos.

[via TUAW]

Posts relacionados

Comentários