Como esperado, chegaram os novos MacBooks Air: chips Sandy Bridge, Thunderbolt e teclados retroiluminados

Novos MacBooks Air de lado com OS X Lion

Conforme indicavam rumores recentes, a Apple atualizou hoje sua linha de MacBooks Air com novos processadores Intel “Sandy Bridge”, portas Thunderbolt, teclados retroiluminados e, é claro, o OS X Lion embutido.

Novos MacBooks Air de lado com OS X Lion

A Apple promete uma performance até duas vezes maior que a da geração anterior, visto que todas as máquinas continuam utilizando memórias NAND flash para armazenamento. Os preços começam em US$1.000 nos Estados Unidos e as novas maquininhas chegarão às lojas amanhã. No Brasil elas saem a partir de R$3.000, com previsão de saída do armazém de 5-7 dias úteis.

“Portátil, acessível e poderoso, o MacBook Air é o melhor notebook para o dia-a-dia”, afirmou Philip Schiller, vice-presidente sênior de marketing mundial de produtos da Apple. “O MacBook Air traz nossa mais avançada tecnologia e é um par perfeito para o Lion, especialmente com seus novos gestos Multi-Touch, apps em tela cheia, Mission Control e Mac App Store.”

O MacBook Air continua disponível em versões de 11 e 13 polegadas, com autonomias de bateria de 5 e 7 horas, respectivamente. Os processadores disponíveis são Core i5 e i7 dual-core de última geração, com placas gráficas Intel HD Graphics 3000 e até 4GB de RAM a 1.333MHz.

Esta atualização marca não só a incorporação de portas Thunderbolt na linha (que pode ser adaptada para ser usada como FireWire ou Gigabit Ethernet, além de conectar displays Thunderbolt/Mini DisplayPort), como também o retorno de teclados retroiluminados — como nos MacBooks Pro. A nova linha já vem com o OS X Lion pré-instalado.

Os novos MacBooks Air continuam garantindo à Apple o título de fabricante da linha de notebooks “mais verde” do mercado, atendendo aos requerimentos Energy Star 5.2 e conquistando o selo EPEAT Gold.

O modelo base do MacBook Air de 11 polegadas vem com processador Core i5 de 1,6GHz, 2GB de memória e 64GB de SSD, enquanto o topo-de-linha, de 13 polegadas, vem com um chip Core i5 de 1,7GHz, 4GB de RAM e 256GB de SSD — por R$5.200 no Brasil. Usuários podem configurar os laptops com processadores Core i7 de até 1,8GHz e mais NAND flash para armazenamento.

A chegada desta nova linha também marca o fim dos MacBooks brancos.

Posts relacionados

Comentários