Devassando a intimidade de um iPad Smart Sign

iPad com Smart Sign e Self Service

Em uma missão de vida ou morte, Zech, do iDownloadBlog, foi a uma Apple Retail Store investigar um dos novos Smart Signs e tentar arrancar dele o máximo de segredos possível. O que ele descobriu sobre esses iPads que trabalham incansavelmente nas lojas da Maçã? Nada exatamente transcendental, mas algumas curiosidades dignas de nota.

iPad com Smart Sign e Self Service

  • É preciso usar um gesto secreto para sair do app Smart Sign, dado que o botão Home fica completamente desabilitado. (Ele provavelmente só existe nesses gadgets para os clientes não acharem bizarro.)
  • Se você conseguir sair do aplicativo, porém, não vai encontrar muita coisa — estranhamente, toda e qualquer menção à App Store foi obliterada desses iPads.
  • A câmera frontal não funciona de jeito nenhum — o que certamente reduz as chances de clientes e funcionários estarem sendo vigiados por El Joboso (o CEO prefere as moitas, como já sabemos).
  • O Smart Sign só funciona dentro de Retail Stores, e isso é garantido por serviços de localização — se estes forem desabilitados, o app nem abre.
  • Seis(!) perfis diferentes precisam ser instalados no iPad para o Smart Sign funcionar.
  • Um app chamado Self Service permanece sem explicação. (Olhando pro ícone, acho que é capaz de ele abrir uma mistura de Windows com Chrome OS.)

Além destas informações, não deixe de ver o que já conhecíamos destes iPads especiais, revelados como parte das mudanças dos dez anos de história da Apple no varejo. Só o gesto secreto que continua… como dizer? “Secreto.” 😛

[via Cult of Mac]

Posts relacionados

Comentários