Surge mais uma evidência de que o iPhone 5 será um “smartphone global”, híbrido GSM/CDMA

Chip baseband da Qualcomm

Este rumor é um dos mais falados [1, 2, 3, 4] sobre o iPhone 5 e acaba de ser corroborado pelo TechCrunch: a próxima geração do smartphone da Apple deverá mesmo ser “global”, isto é, um único aparelho poderá funcionar tanto em redes GSM quanto em CDMA.

Chip baseband da Qualcomm

A “confirmação” veio a partir de um desenvolvedor que preferiu não ser identificado, responsável por apps bastante populares no mundo iOS. Segundo ele, registros de uso dos aplicativos já mostram um novo modelo de iPhone sendo testado, com dois códigos diferentes de rede móvel (MNC) e dois distintos de países (MCC).

Nos Estados Unidos isso será ótimo pois consumidores não terão mais que se preocupar entre escolher um modelo específico para a AT&T ou outro para a Verizon Wireless, mas aqui no Brasil a novidade não fará muita diferença, já que nossas principais operadoras todas funcionam hoje predominantemente em GSM.

Se a Apple de fato adotar um chip híbrido no iPhone 5, é bem provável que a sua baseband passe a ser fornecida pela Qualcomm, em vez da Intel. Resta saber, agora, quão facilmente hackers conseguirão desbloquear (unlock) esse novo aparelho — tornando-o, assim, realmente global.

Posts relacionados

Comentários