Continua a briga de grandes empresas (Apple entre elas) em prol de um feriado de impostos nos EUA

WinAmerica

Em fevereiro comentamos que a Apple e outras grandes empresas dos Estados Unidos estão numa campanha ferrenha para conseguir transferir cerca de US$1,5 trilhão para dentro do país sem precisar pagar impostos. Hoje a Reuters publicou uma reportagem abordando o estado atual das negociações e revelando que o lobby em defesa da estipulação de um “feriado fiscal” está ganhando tração.

WinAmerica

De um lado, os proponentes dessa medida dizem que a entrada desse capital nos EUA poderá estimular a economia, gerando empregos e investimentos diversos. Do outro, há os que apontam o fato de que até US$80 bilhões deixarão de ser arrecadados de empresas muito, muito ricas. Até agora, a proposta tem o apoio de 15 deputados republicanos e 8 democratas no congresso dos EUA, e uma senadora democrata demonstrou interesse em levar o caso a votação.

Com o tanto de dinheiro que a Apple está ganhando na China e em outros países, é capaz de esse montante crescer mais e mais com o tempo. Bem, quem sabe se, não podendo levar esse capital de volta pros EUA, ela de repente tem interesse em investir algo, tipo, em um certo país da América do Sul… 😉

[via AppleInsider]

Posts relacionados

Comentários