Possível aumento no tráfego é uma das maiores preocupações dos moradores de Cupertino sobre o Apple Campus 2

Discussão ambiental sobre o Apple Campus 2

Conforme previsto (e reiterado ontem), a noite de quinta-feira marcou uma primeira reunião envolvendo representantes e moradores de Cupertino interessados em discutir os possíveis impactos ambientais da construção do “Apple Campus 2”.

Publicidade

Discussão ambiental sobre o Apple Campus 2

Desta vez Steve Jobs não estava presente, mas a Apple foi representada por Terry Reagan, gerente responsável pelo projeto do novo prédio.

Curiosamente, o ponto mais discutido e apontado como a maior preocupação dos residentes da cidade foi um possível aumento do tráfego após a inauguração do campus, que abrigará mais de 13 mil empregados da companhia.

Publicidade

A reportagem a seguir resume o que rolou por lá:

Outros aspectos citados foram o fechamento da Pruneridge Avenue, ameaças com a demolição dos antigos prédios da HP, proteção do Calabasas Creek, provável realocação da Glendenning Barn, proteção de árvores nas avenidas Wolfe e Homestead, barulhos/ruídos durante a construção e após a estrutura começar a ser utilizada, equilíbrio no número de empregos, disponibilidade de residências e o impacto nas escolas locais.

Publicidade

Cerca de 100 moradores compareceram à reunião, a qual também foi transmitida online e pode ser revista na íntegra a seguir:

Entrevistado na ocasião, o prefeito Gilbert Wong agora mudou o seu discurso e negou que o projeto já tenha sido completamente aprovado. Só é bem improvável que a coisa não vá pra frente, é claro…

[via iPhone in Canada Blog, 9to5Mac]

Posts relacionados

Comentários

Carregando os comentários…