Distimo: quase metade das receitas da App Store vem de apps freemium

Novo logo da Distimo

Gratuito para usar, mas com recursos especiais por um preço pequeno. Essa frase resume o que é um app freemium, adjetivo que mistura as palavras “free” (gratuito) e “premium”. Quando a Apple introduziu as In App Purchases, com o iOS 3, inicialmente esse modelo de monetização era impossível (se um app fosse gratuito, ele deveria ser 100% gratuito, uma restrição para evitar bait and switch), só que isso não demorou a mudar e abrir muitas possibilidades.

Receitas de apps - Distimo

E que po$$ibilidade$! Segundo um levantamento feito pela Distimo, atualmente cerca de 48% das receitas da App Store vêm de In App Purchases de aplicativos gratuitos, enquanto 24% são de aquisições similares em apps pagos. Apenas 28% do que a loja apura vem de aplicativos com o tradicional sistema de pagamento único, deixando os demais 72% a cargo dos que contam com suas próprias minilojas.

As categorias que mais se beneficiam deste modelo de monetização são os jogos e as revistas — nenhuma surpresa muito grande, aqui.

[via Cult of Mac]

Posts relacionados

Comentários