Firma de análises diz que Apple reduziu os pedidos de iPads em 25% [atualizado 4x]

Mão segurando iPad 2 preto

A firma de análises JPMorgan Chase & Co. disse hoje à Bloomberg que a Apple teria reduzido drasticamente os pedidos de iPads para fornecedoras asiáticas, o que pode indicar uma queda na demanda pelo produto (ou vendas abaixo do estimado). Segundo as informações obtidas, o corte pode ter sido de até 25%.

Mão segurando iPad 2 preto

Se isso ocorrer mesmo, a Hon Hai (dona da Foxconn) poderá ver os números de vendas caindo de 17 para 14 milhões de unidades no quarto trimestre deste ano, ainda que essa informação não tenha alterado as previsões de despacho do produto para o Q3 e o Q4 2011.

Evidentemente, há quem já pegue uma notícia dessas como “forte indício” de que a Apple poderá lançar um iPad 3 ainda este ano — quem sabe com chip Apple A6 e tela Retina. Não deixa de ser uma possibilidade, mas o fato é que atualmente tudo indica que só veremos essa tablet chegando no início de 2012. O próprio analista Mark Moskowitz, da J.P. Morgan, não vê necessidade num lançamento desse tipo agora.

Atualização

O leitor k_rio_k levantou algo interessante nos comentários: esse corte de 25% na Ásia pode ter a ver com uma migração para a suposta nova fábrica da Foxconn no Brasil. Faz bastante sentido. 🙂

Atualização II

E o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, reiterou hoje que iPads deverão ser fabricados no país até o final de 2011.

A taiuanesa Foxconn, que monta o iPad para a Apple, produzirá o equipamento na região de Jundiaí, no interior de São Paulo.

O Ministério também estaria em negociações avançadas para a entrada de uma fabrica de telas no Brasil. Veremos.

[via Reuters]

Atualização III

Dois outros analistas já se mostraram contra a nota enviada originalmente pela JPMorgan.

“A Apple propositalmente mantém várias fornecedoras e parceiras de manufatura, o que torna difícil tirar conclusões a partir de dados de apenas uma delas”, afirmou Gene Munster, da Piper Jaffray, que também citou a migração de fábricas da Apple para o Brasil.

“Nós acreditamos que o relato publicado pela JPM foi extremamente precipitado”, concordou Andy Zaky, da Bullish Cross. “Ele tentou traçar uma conclusão sobre as expectativas da Apple sem ter base alguma em provas.”

[via Fortune Tech]

Atualização IV — por Halex Pereira

Mais uma citação de nosso ministro da Ciência e Tecnologia:

Qual é a maior dificuldade [para a montagem do iPad no Brasil]? São os sócios brasileiros. É uma exigência ter sócios brasileiros, na área de tecnologia os sócios que nós temos não têm musculatura financeira para investimentos próximos a esse valor.

Apesar dessa dificuldade, Mercadante se mostra otimista com o passo em que as negociações atuais seguem. Ele só não revelou mais detalhes por conta de um acordo de sigilo vigente entre as partes. Muito bem, vamos torcer para esse otimismo todo render.

[via INFO]

Posts relacionados

Comentários